Follow by Email

terça-feira, 11 de outubro de 2011

Lembranças Permanentes

Quanto tempo demora a alguém se recuperar
De um fim não planejado?
De um amor inacabado?
Por que é lógico sofrer?
Se nossos momentos passados é o que prevalecem,
É porque meu pensamento ainda te pertence.
Se o signifiquei para você
For tão certo como despreguiçar em todo amanhcer,
Sei que roubei por completo o espaço de seu ser.
Saberei também que sou eu
Quem arranha tua garganta
Quando, em silêncio, me chamas;
Sem saber que estou a escutar,
Ouvindo o som mais lindo
Que é teu coração disparar.
Te guardo com a certeza de que eu também moro em ti.

Na estação mais fria do ano,
Só pensando em você
É que eu me livro de seus danos.
Nenhum outro assunto me faz tão melhor e pior,
Mas é ele que se refaz por si só;
Sem ninguém lhe ordenar.
Publicarei meus sentimentos;
Vou manter apenas imagens dos beijos secretos.
Escancarei em todos os termos
Que não posso mais me controlar,
Nem agüentar que você separe
Seu coração do meu.
E se mesmo assim você insistir em partir
Só me restará desistir,
Mas ainda faltará declarar
Que você foi, em pouco tempo,
O que, em uma vida inteira,
Eu quis pra mim.

21 de julho de 2005.

Nenhum comentário:

Postar um comentário