Follow by Email

segunda-feira, 25 de julho de 2011

Escrevo

Existem pensamentos me rodeando agora.
Nesse momento, penso: “O que eu escrevo?”
Às vezes, me falta sentido pra ter
Alguma fonte nova para escrever.
Amor, revoltas, solidão, não quero mais.
Quero um novo assunto que acabe em rima,
Quero uma frase curta, contendo tudo de mim;
Cujas palavras sejam bonitas,
Totalmente bem desenvolvidas
Para que quem leia saiba que não parei.
Eu continuo escrevendo sim,
Para mim, para quem quiser ler.
Para quem querer sentir o que eu escrevi.
E se um dia eu parar de sonhar,
Exatamente nessa hora estarei escrevendo:
“Este é o meu fim”.


Enquanto estiver com a mente sã,
Um lápis ou uma caneta com papel,
Estará ao meu alcance quando uma nova ideia brotar.
A semente do meu coração falará
O que Deus deixou, sob Seu controle,
Em minhas mãos.

25 de abril de 2006.

Nenhum comentário:

Postar um comentário