Follow by Email

segunda-feira, 28 de novembro de 2011

Instante

Vivo esse instante cheia de dúvidas;
Cheia de mágoas, cheia de lágrimas;
Cheia de amor; cheia de tudo!

Mas todo instante é eterno:
Eterno porque não se repete;
Eterno porque não se apaga;
Eterno porque se viveu.

O instante de quem ama é como um todo:
Porque se vive sem esquecer,
Ou por não vivê-lo, se fez sofrer.

Todo instante é diferente.
O instante em que escrevo;
O instante em que respiro;
O instante em que sonho
E o instante de um olhar.

O melhor instante é aquele que não tem fim,
Quando se tem amor para dar
E amor para receber;
Ou quando não se tem, sabe-se sonhar.

O pior instante é o da espera:
Espera pela vida;
Espera pelo beijo;
Espera pelo amor;
Espera pelo instante de felicidade.

Mas o que eu mais quero
É um instante que acontece sempre:
Viver um grande amor eternamente!



22 de abril de 2004.

Nenhum comentário:

Postar um comentário